Pesquise no Grupo AVPH

Código Promocional Pic Pay: GAC1JN

Nanotirano

   O Nanotirano cujo nome significa "pequeno tirano" viveu há aproximadamente 68 milhões de anos atrás, durante o final do período Cretáceo na América do Norte.
   Foi coletado um crânio em 1942 por David Hosbrook Dunkle (CMN 7541), o mesmo foi descrito por Charles W. Gilmore em 1946 e identificado como Gorgosaurus lancensis. Em 1988, o espécime foi re-descrito por Robert T. Bakker, Currie Phil e Michael Williams. O espécime original se encontra em exibição no Museu de História Natural de Cleveland. A pesquisa inicial indicou que os ossos do crânio foram fundidos e, portanto, representava um espécime adulto. Sendo então renomeado como Nanotyrannus, devido seu pequeno tamanho para um tiranossaurídeos adulto.
   Alguns trabalhos subsequentes colocaram dúvidas se era mesmo uma nova espécie ou se era um jovem Tiranosauro rex. Um tiranossauro juvenil apelidado de "Jane", foi o mais completo juvenil já descoberto (BMRP 01/04/2002), era muito parecida a descoberta no Nanotyrannus original. Esta descoberta levou a uma conferência sobre os tiranossaurídeos focando nas questões de validade do Nanotyrannus, que foi realizada no Museu de História Natural Burpee em 2005. Vários paleontólogos que já haviam publicado opiniões sobre o N. lancensis participaram. Muitos acreditaram que a descoberta de "Jane" era uma confirmação de que o Nanotyrannus era de fato um jovem Tiranossauro rex. Porém outras teorias continuavam a apoiar a hipótese de que o Nanotyrannus lancensis era uma espécie diferente com elevado grau de parentesco com os Tiranossauros.
   As principais diferenças que alguns cientistas têm usado para distinguir Nanotyrannus lancensis dos Tyrannosaurus rex é com respeito ao número de dentes. O Nanotyrannus tinha mais dentes em sua mandíbula superior e inferior do que um tiranossauro adulto. N. lancensis tinha 14-15 dentes em cada lado do maxilar superior e 16 dentes em cada um dos lados do maxilar inferior. Os Tiranossauros rex, tinham 11-12 dentes no maxilar superior e na parte inferior 11-14 dentes. As implicações exatas dessa diferença na contagem de dentes tem sido controversa. Em seu estudo em 1999 sobre os padrões de crescimento de tiranossaurídeos, Carr revelou que em Gorgosaurus libratus, o número de dentes diminuia à medida que o animal crescia e ele usou estes dados para apoiar a hipótese de que N. lancensis é simplesmente um jovem T. rex. A equipe de cientistas que estudaram o crescimento relacionado com Tarbosaurus bataar encontrou pouca ou nenhuma diminuição na contagem de dentes durante o crescimento da espécie e possuiam espécimes muito mais jovens do que os espécimes de Nanotirano. Esses pesquisadores também observou, que em ambos os Tyrannosaurus e Gorgosaurus, houve diferenças significativas na contagem de dentes entre indivíduos adultos e que a contagem de dentes pode variar mesmo quando não relacionado ao crescimento. O Tarbossauro juvenil descoberto em 2006 apresenta a contagem de dentes iguais aos dos Tarbossauros adultos, apoiando a teoria de que o Nanotirano é uma espécie distinta.


Dados do Dinossauro:
Nome: Nanotirano
Nome Científico: Nanotyrannus lancensis
Época: Cretáceo
Local onde viveu: América do Norte
Peso: Cerca de 3 toneladas.
Tamanho: 5,2 metros de comprimento
Alimentação: Carnívora


Reino: Animalia
Filo: Cordata
Classe: Reptilia
Ordem: Saurischia
Família: Tyrannosauridae
Subfamília: Tyrannosaurinae
Gênero: Nanotyrannus
Espécie: Nanotyrannus lancensis, (Bakker, Currie & Williams, 1988)

Sinonimos:
Gorgosaurus lancensis (Gilmore, 1946)
Deinodon lancensis (Gilmore, 1946)
Aublysodon lancensis (Gilmore, 1946)
Albertosaurus lancensis (Gilmore, 1946)

Referência Bibliografica:
- Bakker, Williams, and Currie (1988). "Nanotyrannus, a new genus of pygmy tyrannosaur, from the latest Cretaceous of Montana." Hunteria, 1: 1–30.
- Currie, Henderson, Horner and Williams (2005). "On tyrannosaur teeth, tooth positions and the taxonomic status of Nanotyrannus lancensis." In "The origin, systematics, and paleobiology of Tyrannosauridae”, a symposium hosted jointly by Burpee Museum of Natural History and Northern Illinois University.


loading...
   ® Atlas Virtual da Pré-História - AVPH.com.br | Conteúdo sob Licença Creative Commons | Política de Privacidade | Termos de Compromisso | Projeto: AVPH Produções
    Obs.: Caso encontre alguma informação incoerente contida neste site, tenha alguma dúvida ou queira alguma informação adicional é só nos mandar um e-mail. Tenha uma boa consulta !!!.